Notícias

Exposição sobre vidro murano

Exposição sobre vidro murano

Museu de Paris recebe mostra sobre vidro murano e conta a história do artesanato veneziano

O Museu Maillol de Paris está apresentando a mostra Murano – Obras Primas do Vidro, da Renascença ao Século XXI. A exposição foi inaugurada recentemente e segue até o dia 28 de julho para apresentar obras de arte em vidro murano e contar a história deste tradicional artesanato veneziano.

A exposição traz exemplos de obras de arte de diversas épocas. Logo na entrada da mostra, por exemplo, há a instalação Carrona (Javier Perez), que data de 2011. Adiante, porém, há peças muito antigas, como um cálice em reticello de 1550 e uma ânfora vermelha com alças de bronze do século XVI.

Além de permitir a contemplação das obras, a mostra também exerce importante papel para contar a história do vidro murano. Por meio do passeio é possível descobrir, por exemplo, que o murano teve o investimento de importantes mecenas renascentistas e contou com a contribuição de grandes nomes da pintura, como Veronese e Caravaggio.

Outras utilizações famosas do vidro murano são nos lustres, que enfeitam salões importantes de todo o mundo, e as murrine, famosas pérolas venezianas. O murano também é caracterizado por sua força e propriedades de transparência, opacidade, cores, efeitos e possibilidades de manejo.

A criação do vidro murano data de 982 d.C., na ilha de Murano, em Veneza. Os fornos do local estão acesos há muitos séculos, com uma breve pausa durante o declínio da república local.

A mostra está tendo grande repercussão mundial. No Brasil, por exemplo, o jornal O Estado de S. Paulo fez uma reportagem especial sobre a exposição, que conta com 200 obras vindas de diversas instituições, como o Museu do Vidro de Murano e a Accademia.

Fonte: Estadão